Uma exploração sobre a importância do Senso de pertencimento dos estudantes on-line

Tempo de leitura: 3 minutes

Loading

Promover um senso de pertencimento e uma conexão pessoal é visto como fundamental por muitos pesquisadores educacionais, independentemente do ambiente de aprendizagem. A aprendizagem on-line certamente oferece oportunidades flexíveis de aprendizagem, mas traz questões importantes.

Para os alunos on-line, nutrir um senso de pertencimento pode representar uma maneira de melhorar suas experiências e realizações, bem como reduzir as taxas de evasão. A pesquisa que explora especificamente o senso de pertencimento e a aprendizagem on-line é limitada.

Este artigo aborda essa lacuna e relata um estudo exploratório em pequena escala utilizando métodos qualitativos de coleta e análise de dados para investigar a importância, ou não, do senso de pertencimento à educação on-line de pós-graduados, explorando as origens, a natureza de sua experiência de vida, aprendizagem on-line e seu senso de pertencimento a ela.

Nossas descobertas iniciais enfatizam a importância do pertencimento para eles como alunos on-line e identificaram três temas significativos: interação /engajamento, cultura da aprendizagem e suporte. Essas descobertas iniciais destacam a importância desses três temas na promoção de um sentimento de pertencer e na garantia de haver oportunidades para interações significativas entre grupos e colegas; elas serão de interesse a todos os envolvidos na educação on-line.

Pertencimento na Aprendizagem On-line

O Senso de pertencimento é uma das necessidades mais importantes para que todos os alunos funcionem bem em todos os tipos de ambientes de aprendizagem. (Jackson et al., 2010, parágrafo 5)

Algumas pesquisas foram publicadas a respeito do senso de pertencimento na aprendizagem on-line. Garrison (2011) expressa a importância de pertencer a comunidades de pesquisa on-line, afirmando que devemos “estabelecer um sentimento de pertencimento à comunidade crítica o qual deve se desenvolver ao longo do tempo” (p. 32).

Os autores (Peacock & Cowan, 2019) utilizaram uma versão adaptada da estrutura de pesquisa da comunidade para formular sugestões específicas de ação para nutrir o senso de pertencimento dos alunos on-line.

Thomas et al. (2014) oferece ideias semelhantes sobre as perspectivas de aprendizagem on-line do tutor e do aluno e também um senso de pertencimento associado, enfatizando sua importância e a de que o engajamento e a colaboração com os pares promove  “um senso de camaradagem que dissipa um pouco do isolamento” (p .76) associado à aprendizagem on-line.

Tais interações reduzem a ansiedade, ajudam os alunos a desenvolver suas ideias e a criar conexões. Por outro lado, a falta de construção da comunidade inibe negativamente o desenvolvimento de um sentimento de pertencimento e pode impactar na retenção.

Thomas et al. (2014) reconhecem que promover um senso de pertencimento e tentar incentivar os alunos a fazer parte da comunidade e tentar encorajá-los a interagir é uma tarefa desafiadora para os tutores. Este estudo dedica-se a essa necessidade.

Pesquisa

Agora, introduzimos nosso trabalho a respeito do sentido de pertencimento online e delineamos nossas descobertas até o momento. Somos uma pequena equipe de pesquisa-ação, composta por três tutores envolvidos na promoção e facilitação do aprendizado on-line e um pesquisador visitante experiente.Nossa principal pergunta de pesquisa foi a seguinte:

  • Quais são os relatos de nossos alunos on-line sobre seu senso de pertencimento nos estudos atuais de pós-graduação?

As perguntas complementares incluem:

  • Como esses alunos on-line definem o senso de pertencimento? O que o termo significa para eles?
  • Ter esse sentimento de pertença é relevante para esses alunos on-line ou não?
  • De acordo com esses alunos, o que promove ou não promove para eles um sentimento de pertencimento ao nível do curso e da instituição?
  • Qual a importância dos colegas na promoção e manutenção do sentimento de pertencimento?
  • Qual o papel do tutor na promoção de um senso de pertencimento para esses alunos?

Desejamos entender de que maneira, os alunos on-line acham relevante ter um senso de pertencimento – e por quê. Além disso, como tutores, queremos saber o que ajuda a promover o senso de pertencimento de um aluno e qual o papel que tutores e colegas podem desempenhar no desenvolvimento e manutenção dele.

Veja na íntegra: http://www.irrodl.org/index.php/irrodl/article/view/4539/5309

Fernando Giannini

Pesquisador de tecnologia aplicada à educação, arquiteto de objetos virtuais de aprendizagem, fissurado em livros de grandes educadores e viciado em games de todos os tipos. Conhecimentos aprimorados em cursos de grandes empresas de tecnologia, principalmente no Google Business Educational Center e Microsoft. Sócio-proprietário da Streamer, empresa que alia tecnologia e educação. Experiência de 18 anos produzindo e criando objetos de aprendizagem, cursos a distância, design educacional, interfaces para sistemas de aprendizagem. Gestor de equipe para projetos educacionais, no Ensino Básico, Médio e Ensino Superior. Nesse período de trabalho gerenciou equipes e desenvolveu as habilidades de liderança e gestão. Acredita na integração e aplicação prática dos conhecimentos para a realização de projetos inovadores, sólidos e sustentáveis a longo prazo. Um dos grandes sonhos realizados foi o lançamento do curso gratuito Mande Bem no ENEM que atingiu mais de 500 mil estudantes em todo o Brasil contribuindo para a Educação Brasileira.

Participe da nossa comunidade no Whatsapp sobre Educação e Tecnologia

0 comentários

Posts Relacionados

As 5 melhores ferramentas de IA para professores

A inteligência artificial está se tornando rapidamente parte integrante de praticamente tudo o que fazemos, e a educação não é exceção. Ela pode realmente ser o animal de estimação dos professores, aumentando a interatividade no aprendizado e "reduzindo a carga de...

Escrita à Mão Aumenta Conexões Cerebrais

Como a escrita tradicional à mão está sendo progressivamente substituída por dispositivos digitais, é essencial investigar as implicações para o cérebro humano. A atividade elétrica cerebral foi registrada em 36 estudantes universitários enquanto eles escreviam à mão...

IA na Educação

O salto para uma nova era de inteligência artificial de máquina traz riscos e desafios, mas também muitas promessas No romance de ficção científica de Neal Stephenson, The Diamond Age (A Era do Diamante), de 1995, os leitores conhecem Nell, uma jovem que recebe um...

As 10 melhores ferramentas de IA para estudantes

A Inteligência Artificial (IA) tem se tornado cada vez mais predominante em vários setores, e a educação não é exceção. Com o rápido avanço da tecnologia, graças a empresas como a Open AI, as ferramentas de IA surgiram como recursos valiosos para os estudantes que...

Seis perguntas que ditarão o futuro da IA generativa

A IA generativa tomou o mundo de assalto em 2023. Seu futuro - e o nosso - será moldado pelo que fizermos a seguir. Foi uma pessoa desconhecida que me mostrou pela primeira vez o quão grande seria a mudança de vibração deste ano. Enquanto esperávamos juntas por um...

Tag Cloud

Posts Relacionados

IA na Educação

IA na Educação

O salto para uma nova era de inteligência artificial de máquina traz riscos e desafios, mas também muitas promessas No...

Receba a nossa newsletter

Fique por dentro e seja avisado dos novos conteúdos.

Publicações mais recentes