Revisando as atividades para a Educação a Distância

Tempo de leitura: 3 minutes

Muitas tarefas fora da classe que você planejou não precisarão ser alteradas durante o ensino online. Os tipos de trabalho que os estudantes teriam concluído individualmente – como atividades de múltipla escolha, resolução de problemas, perguntas e respostas – podem não exigir modificações, especialmente quando avaliam a capacidade dos estudantes de fazer leituras, de dados e / ou conceitos já encontrados no conteúdo programático. 

As complicações devem surgir nos casos em que você pediu aos estudantes que trabalhassem juntos, apresentassem seu trabalho interativamente em sala de aula e / ou usassem pesquisas ou outros tipos de recursos encontrados exclusivamente na escola ou na comunidade. Nesses casos, você pode ter que introduzir modificações em seu plano original, direcionando os alunos a recursos alternativos.

Concentre-se no que você deseja avaliar

Ao começar a pensar sobre quais partes de suas atividades você deseja preservar ou modificar, você desejará identificar, o mais claro possível, as competências que você  realmente deseja avaliar. Se parecer muito difícil para seus estudantes concluírem o podcast em grupo que você atribuiu, você pode se perguntar: o que você mais teve interesse em aprender sobre seus estudantes nessa tarefa?

Foi sua capacidade de se envolver em trabalho de grupo colaborativo? Sua capacidade de demonstrar domínio de gravação e edição de áudio? A sua capacidade de entrevistar alguém? Sua capacidade de contar uma história convincente? Dependendo de sua (s) resposta (s), você pode chegar a caminhos diferentes.

Se o núcleo da tarefa fosse sobre trabalho em grupo, então pode ser um bom momento para começar a preparar os estudantes para realizar reuniões em grupo pelo Zoom; se o núcleo fosse a narrativa, talvez você pudesse permitir que os estudantes que não terão o benefício de um workshop cancelado sobre gravação do podcast enviem um roteiro.

Conecte os alunos com os recursos de que precisam

Certifique-se de que os estudantes tenham acesso a qualquer (ferramenta) software, tecnologia ou outros recursos físicos necessários para concluir as tarefas. O ideal é usar software ou outros recursos (por exemplo, repositórios de objetos educacionais) que estão disponíveis gratuitamente para os estudantes.

Crie muitas oportunidades de diálogo

Quer reconheçamos ou não, o feedback frequente é a forma em que todas as atividades funcionam. Pode ser fácil, ao mudar para online, e subestimar os muitos caminhos, tanto informais quanto formais, que nossos estudantes utilizam para fazer e responder perguntas quando estamos ensinando cara a cara. Quer seja abrir um curso no final da aula, recorrer ao um colega na cadeira ao lado ou participar de um grupo de estudos, no ambiente presencial os estudantes se beneficiam imensamente das oportunidades de comunicarem as suas ideias. Como podemos ter certeza de que os estudantes estão se beneficiando desses recursos quando estamos ensinando remotamente?

  • Se você planeja fazer com que os estudantes apresentem seus trabalhos em aula, peça a eles que apresentem aos colegas e à equipe pedagógica por meio de uma reunião no Zoom da classe. Como alternativa, os estudantes podem gravar uma apresentação em seu telefone ou computador e enviá-la.
  • Na medida em que seus estudantes se beneficiariam em receber o feedback dos colegas fora da classe, você pode incentivá-los a usar as ferramentas colaborativas, como Google Docs e Zoom, para oferecer feedback uns aos outros. Você também pode designar alguns estudantes para grupos de estudo e estabelecer salas de Zoom formais para seu uso.
  • Se você faz parte da equipe pedagógica, você pode designar alguns membros de sua equipe para monitorar a função de bate-papo que acompanha sua reunião de classe do Zoom, e incentivar os estudantes que têm dúvidas sobre as próximas tarefas a publicá-las. Como início do curso, você pode responder a um resumo dessas perguntas no final de sua reunião de classe online.

Fonte: Harvard University
The Derek Bok Center for Teaching and Learning
https://bokcenter.harvard.edu/assignments-remote

Participe da nossa comunidade no Whatsapp sobre Educação e Tecnologia

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

As ferramentas de transcrição de IA também “alucinam”

Estudo encontra fabricações surpreendentemente prejudiciais no algoritmo de fala para texto da OpenAI Até o momento, a tendência dos chatbots alimentados por inteligência artificial (IA) de ocasionalmente inventar coisas, ou "alucinar", está bem documentada. Os...

Estrutura para a aprendizagem de IA

Essa proposta de estrutura busca fornecer a elaboração de programas de estudo e o planejamento de atividades de aprendizagem que promovam uma compreensão profunda da IA e desenvolvam as competências para que cada estudante seja capaz de analisar, projetar e resolver...

O que é inteligência artificial?

O Que é Inteligência Artificial? Esse artigo explora a definição e implicações da AI, uma das tecnologias mais transformadoras e debatidas da atualidade. Descubra como a AI está moldando o futuro e os desafios éticos envolvidos. Todos acham que sabem, mas ninguém...

Tutoria com IA: reformulando o dia a dia dos professores

Quando o ChatGPT e o advento da inteligência artificial não estão sugando todo o oxigênio da sala onde os educadores se encontram, o próximo maior candidato a receber atenção deve ser a tutoria. Em particular, muito tem sido escrito recentemente sobre as lições...

Pensando o poder da IA para a aprendizagem do futuro

Nos últimos anos, observamos uma corrida para o estudo e o desenvolvimento de ferramentas tecnológicas de aprendizagem eletrônica que aprimoram o ensino e a aprendizagem. A literatura científica mostra claramente que essas ferramentas podem desempenhar um papel...

Tag Cloud

Posts Relacionados

[dgbm_blog_module posts_number=”4″ related_posts=”on” show_categories=”off” show_pagination=”off” item_in_desktop=”2″ equal_height=”on” image_size=”mid” author_background_color=”#ffffff” disabled_on=”off|off|on” module_class=”PostRelacionado” _builder_version=”4.16″ _module_preset=”default” title_font=”Montserrat||||||||” title_text_color=”#737373″ title_font_size=”19px” title_line_height=”25px” meta_text_color=”#666″ meta_font_size=”13px” content_font_size=”13px” content_line_height=”30px” author_text_color=”#666666″ custom_css_content_container=”display:flex;||flex-wrap:wrap;” custom_css_image-container=”padding-top:70%;||overflow:hidden;” custom_css_image=”position:absolute;||top:0;||left:0;||bottom:0;||right:0;||object-fit: cover;||height:100%;||width:100%;” custom_css_title=”padding:20px;||margin-top:0;||order:2;” custom_css_content=”padding:0 20px 20px;||order:3;” custom_css_post-meta-middle=”order:1;||padding:20px;||border-bottom:1px solid #dcdcdc;||border-top:1px solid #dcdcdc;” border_width_all_post_item=”0px” border_width_all_content=”0px” box_shadow_style_container=”preset1″ box_shadow_blur_container=”5px” box_shadow_spread_container=”1px” box_shadow_color_container=”rgba(0,0,0,0.1)” global_colors_info=”{}”][/dgbm_blog_module]

Receba a nossa newsletter

Fique por dentro e seja avisado dos novos conteúdos.

Publicações mais recentes